SÍNODO DA AMAZÔNIA: EM ROMA, CACIQUE MACUXI FALA TODA A VERDADE E DESMASCARA ONGS

CapturarUUUUUUUUU

Palestra do Cacique Jonas Marcolino Macuxi em Congresso do IPCO em Roma, na véspera do Sínodo da Amazônia. Assine contra os erros do Documento Preparatório do Sínodo da Amazônia: https://campanhas.ipco.org.br/pedido-aos-padres-sinodais-por-uma-amazonia-crista-e-prospera

SÍNODO DA AMAZÔNIA: DOM BERTRAND EM ROMA DIZ QUE É IMPOSSÍVEL COLOCAR FOGO NA FLORESTA AMAZÔNICA

Capturar2

Sínodo da Amazônia: perigo para a Igreja e para a sociedade. Paganização da doutrina católica e tribalismo da liturgia. Palestra do Príncipe brasileiro Dom Bertrand de Orleans e Bragança, proferida durante Congresso realizado em Roma na véspera do Sínodo da Amazônia. Assine contra o que está em preparação no Sínodo: https://campanhas.ipco.org.br/pedido-aos-padres-sinodais-por-uma-amazonia-crista-e-prospera

OS ÍNDIOS FORAM ARRANCADOS DE SUA CULTURA PELOS OPRESSORES EUROPEUS?

Ruins of Tiahuanaco

Desfazendo as calúnias contra a colonização da América Continuamos a série de artigos sobre o descobrimento e colonização da América, rebatendo acusações de esquerdistas e teólogos da libertação. Piramides de Tenochtitlán TERCEIRA ACUSAÇÃO: TIROU-SE AO ÍNDIOS SUA HISTÓRIA, CULTURA E LIBERDADE Segundo essa acusação, os índios foram arrancados de sua História, de sua cultura milenar

SÍNODO EM CHEQUE MATE: A PERGUNTA INDESEJADA E A QUESTÃO (INFANTICÍDIO) CUIDADOSAMENTE ESCONDIDA

Rita-Segato-rz

Está repercutindo amplamente na mídia e nas redes sociais uma questão atualíssima: o infanticídio em certas tribos indígenas desmente o “paraíso” idílico propagado pelo CIMI e pelos altos promotores do Sínodo da Amazônia. A pergunta põe o Sínodo em cheque mate Numa roda de imprensa, sobre o Sínodo da Amazônia, 8 de outubro, o periodista suíço Giuseppe

O QUE REALMENTE PENSA O CARDEAL HUMMES?

D Hummes na Puc

No início de fevereiro, a mídia brasileira noticiou fartamente[1] a preocupação do Exército e do Governo brasileiros com algumas pautas do Sínodo da Amazônia que poderiam afetar a soberania nacional. Em 19 de fevereiro, em sua aula inaugural na Faculdade de Teologia da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – evento para o qual, ao

SÍNODO PAN-AMAZÔNICO: DA EVANGELIZAÇÃO AO “ÊXODO INTERCULTURAL” (PARTE 1)

oiejfapieg

“Kiwxí” é o título de um filme[1] editado pela Rede Eclesial Pan-Amazônica em homenagem ao Irmão Vicente Cañas SJ, um missionário espanhol morto em 1987 por sua intervenção em disputas territoriais entre indígenas e proprietários recém-chegados ao noroeste do estado de Mato Grosso, no que era então um verdadeiro Far West brasileiro. Tempos antes, no

ELITES GLOBAIS MENTEM SOBRE INCÊNDIOS NA AMAZÔNIA

Macron

Os incêndios ocorridos na floresta amazônica brasileira não poderiam ter sido mais bem cronometrados: deram-se, oportunamente, durante a cúpula do G7 dos países desenvolvidos em Biarritz, na França, com suas soluções internacionalistas e antisoberanas. Por outro lado, o estrondo midiático espalhando cenas de desolação ocorre a menos de dois meses antes do Sínodo da Amazônia,

SÍNODO PAN-AMAZÔNICO: O CUMPRIMENTO DE UM ANTIGO PLANO

Pe Gustavo Gutiérrez

“Com este Sínodo, uma jornada de 30 a 40 anos da Igreja latino-americana atinge a maturidade.” Com estas palavras, o cardeal peruano Pedro Barreto, vice-presidente da REPAM (Rede Eclesial Pan-Amazônica), revela um aspecto fundamental do próximo Sínodo dos Bispos a ser realizado no próximo mês de outubro em Roma: é um plano de longa data

QUANDO OS CÉUS FALAM À TERRA

1

Indígenas mexicanos em procissão com quadro de Nossa Senhora de Guadalupe Em Fátima, Nossa Senhora lembrou ao mundo as verdades da Fé, a existência do Céu e do Inferno, pediu penitência e a recitação do Santo Rosário pela conversão dos pecadores, advertiu contra os erros do comunismo. E no final, prenunciou sua vitória: “Por fim, o

RORAIMA: COBIÇA INTERNACIONAL COM NOVAS PERSEGUIÇÕES AOS PRODUTORES RURAIS

Capa Roraima

Publicaremos paulatinamente trechos da importante denúncia dos pesquisadores Nelson Ramos Barreto e Paulo Henrique Chaves, membros do Instituto Plinio Corrêa de Oliveira, mostrando a trágica situação de Roraima, estado do extremo norte do Brasil, vítima da agenda indígena. Prefácio Quando Plinio Corrêa de Oliveira, na década de 70, publicou sua obra Tribalismo Indígena, ideal comuno-missionário